Comportar-se como um animal ao volante é tão português como o fado e o chibanço. Ter ministros a 200 km/h na A1 sem pagar multa, comprar um Audi em 2ª mão, meter um aileron Matias na oficina do bairro e testar o bólide na ponte Vasco da Gama é português. E dizer mal dos outros também. E viva o blogue :)



quarta-feira, 14 de novembro de 2007

O que está a dar é contramão... nem te tiram a carta!





Se dúvidas havia quanto à extrema peculiariedade do português ao volante, digna de um National Geographic, e ao contínuo autismo dos governantes portugueses e estupidez da justiça portuguesa, digna de um país tipo Zimbabwe, acho que se podem claramente dissipar com esta história mesmo à portuguesa! Sentem-se refastelados na cadeira, façam pipocas no micro-ondas, pois isto não anda muito longe de um verdadeiro filme à Faroeste, mas feito na Margem Sul. Produto nacional, portanto.

Segundo o Correio da manhã do dia 6 de Outubro (1 mês atrás), um energúmeno com 1,15g/L de álcool no sangue fugiu em contramão pela A2 acima. O fulano nos seus 40 anos de idade (física, não mental) é oriundo de Paio Pires, e andou 5 quilómetros no seu Ford Focus em sentido oposto à circulação, para fugir à GNR, e por sorte não abalroou um grupo de motards. O bicho ainda teve o desplante de agredir os GNR no momento da captura. Resultado: foi libertado e intimado a aparecer no tribunal no dia seguinte!

Pensamos todos nós, na nossa leve e doce inocência, que o gajo lerpou bem num quartinho escuro lá do posto, e que agora para ele é autocarrozinho até o Boavista ser campeão outra vez. Mas de certeza que está a suspeitar que vai haver um "senão"...

Pois bem, não é que o gajo gosta mais de andar a contramão do que de pastéis de nata!? O raio do teimoso voltou a ser apanhado em contramão na EN10, alcoolizado, esta manhã, dia 13 de Novembro, 1 mês depois!! Porque é que raio o gajo não prometeu ir a Fátima a pé, como se costuma fazer para pagar promessas?!

Ah, mas desta vez, o resultado foi de 1,95 g/l de álcool no sangue, segundo o alcoolímetro dos polícias! Mas este granda maluco pode ser imbecil para figurar no livro do Guinness, mas ainda lhe restam alguns laivos de artimanhas, bem lusitanas: recusou-se a fazer o teste de álcool no posto da BT, o único que serve como prova; como tal, acabou por ser apenas detido por desrespeito à autoridade! Toca a curar da ressaca, e a bebedeira desaparece no tribunal. É sempre melhor ser acusado de desobediência, pois assim ainda retém a carta, digo eu.

Mas mas... talvez o tipo tivesse repetido a graça sem carta... Não: o tribunal não cassou-lhe a carta da primeira vez! Qual é a lógica? Simples: os verdadeiros responsáveis por este flagelo de mortes em Portugal são os condutores em excesso de velocidade! Sim, precisamos de mais radares para apanhar esses assassinos (e as suas carteiras) a passar a 81km/h na radial de Benfica! Estes tipos em contramão não precisam de se preocupar; podem escolher a faixa que quiserem, desde que não excedam a velocidade!

Malta da Margem Sul, já sabem: daqui a um mês, tenham cuidado ao irem compar peúgas para oferecer aos sogrinhos no Almada Fórum! Estejam atentos a um Ford Focus com atitudes estranhas. E não adianta chamarem a bófia, que o tribunal despeja-o outra vez na rua. Faça um serviço cívico, ate-o e abandone-o no bar gay mais próximo, de preferência, brasileiro: é que, no Brasil, Cú de bêbado não tem dono.

P.S.: Esta história foi enaltecida por um colega forunista Excalibur. Ah, e estou de partida para o Porto, numa camioneta. Para NÃO variar, houve notícia de mais um acidente na A1, em Condeixa, esta manhã. Fé nos bombeiros...

13 comentários:

Coiso disse...

Porque é que nunca tinha pensado nisto antes? Além de que, ao andar devagar, nem gasto tanta gasolina.
Salvem os condutores em contra-mão!!

Torre disse...

É deste tipo de fábulas de encantar que estão cheias as nossas estradas...

Quanto à recusa em bufar ao balão, de facto é acusado de crime de desobediência mas, em paralelo, o Código Penal prevê que sempre que a desobediência seja em termos de recusa de pesquisa de álcool, por fundadas suspeitas da polícia, fica igualmente sem carta...

A vantagem pode ser sim ao nível da moldura penal, ou seja, da condenação entre a pena máxima e mínima que o animal pode apanhar, já que, salvo erro, é mais baixa por desobediência (e em termos de reincidência, também pode ajudar, já que o crime é outro...), ou seja, leva pena mais leve do que se fosse com álcool...

Mas de lhe tirarem a carta por uma temporada, já não se livra...

n disse...

Incrível, verdadeiramente incrível...

Faz-me lembrar a história de uma amiga minha.

O condutor de um camião TIR ia alcoolizado e não conseguiu fazer uma curva numa estrada nacional, tendo-a feito na faixa do sentido oposto. À saída da curva colheu o carro onde seguiam os familiares dessa minha amiga, que vinha no sentido oposto e nem teve tempo de reagir.

Assim, de forma instantânea, foram à vida todos os ocupantes do veículo, ou seja, Pai, Tio e mais alguns familiares dessa minha amiga.

Houve a investigação da praxe, tribunal, etc, etc, etc.

Hoje em dia o dito condutor continua a conduzir camiões TIR como se nada se tivesse passado.

Surreal, não é?

Mas se eu passar umas poucas vezes a 71km/h em algumas zonas de Lisboa, arrisco-me a perder a carta por acumulação de contra-ordenações graves.

Pois... Aqui em Portugal é assim.

Inútil disse...

Já tive que atirar o meu carro para os maroiços na A23, por causa de uma senhora que vinha sossegadita da vida ao volante do seu micra. Em contramão. Não faço ideia do que aconteceu à senhora. A última imagem que eu tenho dela é de um topo de uma cabeça com óculos e duas mãos a agarrar religiosamente um volante, como se não houvesse amanhã.

NHEKNHEK disse...

Realmente é triste...
E a minha teoria para que os governantes nao se preocupem muito com estes casos, é que são casos esporádicos e raros em comparação com os casos de excesso de velocidade, ora como os politicos deste país são bons em contas de merceeiro, concluem que tem muito mais lucro com os tipos que andam a 100km\h onde só se pode a andar a 80km\h... apesar de estes casos em contra mão terem sempre como desfecho final no minimo uma tragédia.

Já tentei entender como é que há gente que consegue entrar em contra mão numa auto-estrada...mas é incompreensivel.O alcool por si só nao explica, é preciso ser uma especie de burro que faça envergonhar os burros, é ter em si o maior dos desprezos pela vida dos outros.
E os velhinhos... esses que a troco de uns tostoes continuam a ver o seu atestado a dizer "Apto para conduzir" mesmo que nao tenha sensibilidade nas pernas e vejam a 15%, ou aqueles velhinhos que aos 70 anos lembram-se "É pá o que me fazia falta agora era a carta de condução..." andam meses e meses chumbo em cima de chumbo a terem packs de 30aulas como embalagens de leite e depois alguem com "pena" lhes diz " A troco de uns Aerios a gente garante que fica apto no exame" E eles andam ai... Tenham cuidado!MUITO CUIDADO!

The Barman disse...

Boas....

Bolas desconhecia esta cena do tipo ser apanhado 2 vezes.....

Era enrrabar o gajo com um pinheiro,e dar os restos aos cães.

E os nossos tribunais ainda ajudam á festa claro....é o nosso Portugalito!!

Jota disse...

Boas noites.
A respeito deste história há uns anos atrás ouvi dizer que no Norte havia um grupo que amigos que faziam apostas de alto valor para fazerem o maximo de quilometros em contra-mão. ...Não sei se é verdade mas que ouvi, ouvi! Já este caso é completamente absurdo. Contudo e muito honestamente a culpa não é dele. Se a lei Portuguesa e o proprio sistema o permitem..., porque não repetir? Não era amarra-lo e enraba... com um pinheiro (ainda vinham aí os ecologistas e estavamos tramados!!!). A culpa sim é que quem faz as leis e dos governos e magistrados que as aplicam! Esses sim! Para algumas leis que por aí se aplicam até eu era capaz de pagar uma multa por estar a cortar pinheiros para os empalar!

NHEKNHEK disse...

Essa historia dos grupos de apostas é verdade... acho que um desses fdp teve um acidente e matou alguem, o veiculo que conduzia salvo erro era um jipe da fodafone empresa onde pelos vistos trabalhava! Outro caso que aconteceu aqui no norte na A1 á uns tempos atraz foi um tipo vir vila da feira com um karting ate á estação Gaia( na mão dele)! Agora digam me o que este tipo merecia?Era espanca-lo, cura-lo, voltar a espancar...isto durante mt tempo!

Marina disse...

Mas por que raio o excelentíssimo Engenheiro lê notícias do correio da manhã??

Português ao volante disse...

Marina, uso o Google News :)

Raio Que Parta disse...

idem! tenho de confessar que também abro uma ou outra do correio da manhã ;)

Marina ou o raio que parta disse...

ups..

José Carlos disse...

É impressão minha ou a matrícula do artista é "amarelinha"!?

Deixem-me adivinhar... é émigrânte (leia-se com a fonética apropriada)

Isso explica tudo...


who's online
eXTReMe Tracker
THE BOBs
Humor blogs
Top Blogs
BloGalaxia
Coches ES

MyFavatar