Comportar-se como um animal ao volante é tão português como o fado e o chibanço. Ter ministros a 200 km/h na A1 sem pagar multa, comprar um Audi em 2ª mão, meter um aileron Matias na oficina do bairro e testar o bólide na ponte Vasco da Gama é português. E dizer mal dos outros também. E viva o blogue :)



terça-feira, 15 de janeiro de 2008

Corrigir não é retirar!






O nosso colega TIFFOSI decidiu partilhar com a malta uma pérola que encontrou neste leilão do Miau!, que entretanto já foi removido. No entanto, uma pesquisa à cache do Google por "retirar KM" ainda produz resultados, que, para serem mais duradouros, converti nas imagens que estão aqui, no cantinho do costume. Para ler e chorar por mais.

Porquê honras de posta? Porque é um caso espantoso de mais uma iniciativa chico-espertice de um português, que tenta aproveitar a ganância de outros portugueses para adulterar os quilómetros de carros usados, que por sua vez irá lucrar com a imbecilidade do português médio, que deseja de todas as formas ter um carro melhor do que o do vizinho, nem que para isso compre uma carrinha da Alemanha em 2ª mão, que "só" tem 60.000km em 6 anos, um achado único. Eu tenho uma teoria de que o português não se importa de ser enganado, desde que o objecto que o enganou ainda mantenha as características de emanação de inveja para os outros...

Mas, numa filosofia semelhante a quem vende armas (é legal, o que se faz com elas é que não é da sua conta), o vigarista em questão, que dá pelo nome de Luís Subtil, de Paredes, recorre-se a um engenhoso subterfúgio, que é a nossa língua: ele realça que o sistema "corrige" os quilómetros, e que isso não é ilegal: ilegal seria retirar quilómetros. Esta engenharia linguística é uma necessidade premente de quem anda nestes negócios mesmo no limiar da legalidade, e é bem capaz de resultar numas situações hilariantes. A minha mente mirabolante já pensou numas tiradas geniais, a ver se potencio mais leilões fenomenais:

"- Olhe, eu vender isto, não posso porque é contra a lei. Agora, posso é fazer um contrato de aluguer por tempo indeterminado, por uma contrapartida que pode ser monetária."

"- Bem, ó xuning, posso instalar esta abufadeira quádrupla que faz mais barulho que um OzzFest. Legal, não é, agora, se olhar-mos para isto como uma ligação de um protótipo experimental de exaustão de gases de combustão numa óptica meramente científica, com o intuito de determinar uma correlação empírica e cálculo de constantes de proporção entre a emissão de ruídos em decibéis e os caudais de matéria gasosa, numa óptica ja disse, puramente científica, com vista à publicação de um artigo científico na Nature, deve passar na IPO".

"- Ó Senhor Guarda, eu sei que ia a 90, quando dizia na placa 50, mas eu assumi que era 50 metros por segundo, e como o meu velocímetro é a quilómetros por hora, fiz a conversão matemática e verifiquei que estava dentro dos limites."

Que espectáculo! E a pensar que ainda há malta que compra carros usados com menos de 100.000km, sem saber a origam do dito...


5 comentários:

Jota disse...

Se se andar à pesquisa neste genero de leilões encontra muitas "pérolas" semelhantes.
...esta é que honestamente nunca me tinha apercebido que havia!
No entanto e se formos ver ao e-bay podemos ver outras "chico-espertices"..., principalmente Alemães.
Há lá uma que acho "deliciosa"!
Um aparelhometro que se põe na ponteira de escape que simula o silvo de um Turbo nos motores atmosféricos...
O pessoal do Tuning é que ainda não se deve ter aprecebido de tal! Iam ser encomendas às resmas...
Qualquer dia mando vir um só para ver se funciona no aspirador lá de casa!!!

Português ao volante disse...

eBay é coisa que não me diz quase nada, e acredito no que dizes. Agora, ir minar pepitas para colocar aqui num sítio de leilões on-line, ou nos fóruns de xuning, torna este blogue muitíssimo menos desafiador e n vezes mais fácil de manter.

Quanto tiver mesmo mesmo sem matéria para colocar, talvez passe pela secção do tuning do standvirtual ou vá ao miau procurar por carne. Por enquanto, está-se bem, Jota. :)

Torre disse...

Corrigir não é retirar... E estúpido, é o mesmo que idiota!? :D

Anónimo disse...

"irá lucrar com a imbecilidade do português médio, que deseja de todas as formas ter um carro melhor do que o do vizinho"

Acho q o maior problema é que isto faz-se a tudo quanto é modelo (em stands é pão nosso de cada dia) e quem se liza é sempre o Zé, mesmo que não queira uma máquina para ostentação. Até a Puntos se "corrige" os km!

Anónimo disse...

Boas noites e saudações por este blog que de facto contém algumas pérolas :) .
No presente caso, poderá até ser verdade o que diz, mas sinceramente não concordo em apontar o dedo ao vendedor uma vez que ele próprio lembra o que é ou não é ilegal, isso ficará certamente à responsabilidade do comprador. No entanto, imagine por exemplo que devido a uma avaria poderá ter necessidade de adquirir um conta km novo para o seu veiculo. Nessa altura ou paga (e bem certamente) na marca pelo conta km novo e eventualmente o extra para programar os km's antigos no novo, ou então procura um componente igual em 2a. mão e programa você mesmo os ditos km's, seja por leitura no antigo ou por leitura do valor guardado na centralina do motor do veiculo, que julgo não ser viciável, pelo menos facilmente. Esse valor que está guardado na centralina do motor confirma inclusivamente a veracidade ou não do valor apontado no conta km, é calculado de forma distinta pelos dois e geralmente distam 5% no máximo um do outro, salvo erro. Com outro cabo semelhante ao que aqui é publicitado consegue ler esse valor e cruzar a informação sabendo se há ou não viciação. Para quem esteja minimamente a par, é uma operação quase obrigatória a fazer quando se adquire um veículo em 2a. mão, pelo menos no grupo vw, e em carros recentes pode-se tirar essa dúvida sobre os km's apontados no conta-km desta forma. A maioria dos veiculos a que este cabo se destina têm essa função, pelo menos os mais recentes. Em minha opinião e como forma de comentário, é sempre bom ter quem venda este tipo de artigos, desde que sejam bem utilizados facilitam imenso a vida e as despesas nos concessionários da marca, outrora únicos detentores dos aparelhos especializados para este tipo de funções, com todos os custos, danos e trabalhos mal feitos por incompetência, perdas de tempo, etc. que isso implicava. Não especificamente este porque nunca precisei dessa função mas olhe que o de diagnóstico é uma maravilha.
Cumprimentos e mande vir sempre!


who's online
eXTReMe Tracker
THE BOBs
Humor blogs
Top Blogs
BloGalaxia
Coches ES

MyFavatar