Comportar-se como um animal ao volante é tão português como o fado e o chibanço. Ter ministros a 200 km/h na A1 sem pagar multa, comprar um Audi em 2ª mão, meter um aileron Matias na oficina do bairro e testar o bólide na ponte Vasco da Gama é português. E dizer mal dos outros também. E viva o blogue :)



sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

O milagre do botãozinho tira-multas.





O nosso agente de Loures, o johnnyminator, enviou-me este formidável registo das boas práticas portuguesas, no que toca a registar o boletim do Euromilhões a 10 minutos de fechar o concurso da semana. Ele refere que os artistas deste estacionamento alucinante, não satisfeitos com a participação no sorteio da semana, ainda iniciaram uma sessão de vira-copos com imperiais e, segundo ele (citação directa), "um pires de camarão amarelo: os tremoços!".

Como podemos confirmar pela fotografia, não há mesmo motivos para ficarem preocupados com tamanho estacionamento imbecil, pois eles não se esqueceram de activar o "tira-multas"!! Sim, esse acessório essencial e que é normalmente activado através de um botão triangular vermelho na consola, e que liga os quatro piscas do carro, criando uma espécie de escudo protector contra multas de estacionamento, um campo de forças magnético que o protege de todas as multas, nem até as multas os bófias de cuecas, que ficam sem jurisdição para autuar tais carros! Tal como o Mercedes de um embaixador da Patagónia.

Invasão indevida do passeio, obstrução da passadeira... diria que nem quero ver o comportamento destes meninos em marcha; pela amostra de civismo que acabam de demonstrar, diria que não gostaria de os ter por perto. Candidato ao pior estacionamento do ano, sem dúvida. E depois o Scolari quer que pendure uma bandeira portuguesa na janela! Vou já correr à loja dos chineses, a ver se ainda têm uma para colocar na porta do condutor, é que o orgulho em ser português é tanto que ainda emigro, só para apreciar melhor o nosso rectângulo no cantinho da Europa, cheio de malta disparatada e sem sentido nenhum de civismo.

6 comentários:

Torre disse...

É disto que temos! Acho que já aqui contei uma história que aconteceu "à atrasado" com um familiar meu...

Material necessário: Rua de sentido único, com apenas uma via; Lugares de estacionamento na via, um deles livre; Um vidrão; Garrafas de vidro Q.B.; alguns carros; alguns cidadãos inocentes; Uma avantesma.

Então que se faz: a avantesma circula no seu carro, e pára junto do vidrão. Liga os mágicos quatro piscas. Sai do carro. Começa a tirar as garrafas para deitar no vidrão, ciente que está de que dois lugares à frente estava um espaço para estacionar.

Como se demorasse muito tempo, os restantes condutores atrás começam a protestar. A besta mitológica, num misto de ira e incompreensão, apenas aponta para o sinal intermitente dos quatro piscas...

Pois é claro, como nos podemos esquecer da regra basilar de todo o nosso CE!? Os mágicos quatro piscas, que resolvem todos os imbróglios, nem que haja lugares disponíveis, podemos usá-los para o que nos aprouver!

Até acho que está na Constituição, ou no novo tratado de Lisboa... Um deles!

Jota disse...

Tal como é frequentemente mencionado aqui no blogue muitos animais quadrupedes com inteligencia para andar apenas com os membros posteriores no chão, utilizam veiculos motorizados! Seja para serem conduzidos, pintados, "embonecados", transformados na forma e feitio (alusão aos xunings...), etc, etc, etc, ...
Infelizmente todos os outros pacatos e comuns cidadãos têm que conviver com este tipo de "criaturas" numa faixa de alcatrão que utilizamos para nos deslocarmos de um ponto a outro...!
Infelizmente com o passar do tempo a dificuldade em andar na estrada e a procura nos locais de estacionamente vão-se tornando cada vez mais dificeis.
Para isso há que saber respeitar os outros e utilizar um dos bens que temos de mais precioso - a inteligencia!
Assim e como uns a utilizam outros não, há que saber, para aqueles que a utilizam, saber tirar partido dela no que concerne a ironizar os outros, ridiculariza-los sem no entanto denegrir a sua imagem e, muito principalmente saber escrever (ou pelo menos utilizar uma construção de frases correctas e com sentido, sem abreviaturas e letras trocadas por palavras...).
Vamos pois continuar a brincar com este tipo de situações que aqui aparecem, perder uns minutos diários da nossa vida a ler e escrever este ou aquele comentário pois, e infelizmente preocupações, aborrecimentos e tristezas já nós temos muitas!
Um abraço, J

fresquinha disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Jota disse...

Sim Senhor..., bonito. Usam os temas em discussão e blogues de outros para fazer publicidade ao seu!
...se ainda fosse feito algum comentário sobre o que aqui se fala!!!

The Barman disse...

Boas...

Hehehehe!! Este tipo de estacionamento é muito comum....ate para ir beber um cafezinho ao tasco da esquina,é carros nos passeios, nas passadeiras nas paragens de autocarros etc,etc! É uma festa!!

Anónimo disse...

e o mercedes de mala meia aberta, oh nuno??


who's online
eXTReMe Tracker
THE BOBs
Humor blogs
Top Blogs
BloGalaxia
Coches ES

MyFavatar