Comportar-se como um animal ao volante é tão português como o fado e o chibanço. Ter ministros a 200 km/h na A1 sem pagar multa, comprar um Audi em 2ª mão, meter um aileron Matias na oficina do bairro e testar o bólide na ponte Vasco da Gama é português. E dizer mal dos outros também. E viva o blogue :)



segunda-feira, 4 de junho de 2007

E... palavras para quê? Está tudo dito.





Bem, apanhei este Ibiza com um boneco agarrado estrategicamente no vidro traseiro, de maneira a estorvar bem a visão para trás. Mas é tudo por uma boa causa: este boneco está a transmitir uma mensagem de extrema importância para o contudor que segue atrás. Aliás, a mensagem considero-a tão vital para a segurança rodoviária, que nem sei porque a ex-DGV / futura ANSR ainda não obrigaram a colocar em todos os carros lusitanos: Tens um grande... mas o meu... é maior!!!

Para já, devo destacar como este boneco vai direito ao assunto de uma forma maravilhosa! Se há alguma explicação extra-doença-mental para os xunings que decoram os seus carros como se fossem santuários basofes, aí está: é tudo um processo de galantear as fêmeas, uma forma subtil de dizer que a deles é mais avantajada do que o resto da malta automobilizada. Daí o vasto rol de abufadeiras tipo F-16, ou de ailerons tipo estendais de roupa que se vê por aí, e que vou dando destaque de vez em quando.

Reparem que o artista da fotografia não precisou de apetrechar o carro com as pindricalhices da Norauto tipo autocolantes da Penélope ou placas 'Type R' (tenho uma fotografia de um Aixam com uma delas...), preferindo a via directa na sua abordagem às fêmeas. Ao mesmo tempo, este bacano procura intimidar o resto dos machos ao volante no seu território de engarrafamento, como que a dizer: "No alcatrão mando eu! A minha verga é tão grande que, se não tenho cuidado, enrolo-a toda na coluna de direcção, enquanto estaciono! O meu sardão é tão possante, que consigo virar o volante, mexer no autorádio e direccionar o GPS ao mesmo tempo! Tentem fazer isso!"

É curioso, eu não me sinto initimidado ao pé deste moço. Primeiro, é claro que é apenas um boneco, o tipo não tem nenhum radar Doppler para comparar vergas! Em segundo, o bacano tem um Ibiza banal, e o meu carro tem mais uns cm do que ele! Em terceiro, já sou casado, já tenho idade para ter juízo.

Agora que penso nisso, talvez seja uma EXCELENTE ideia! Todos nós devíamos ter a medida do nosso dito impresso na carta de condução, e escarrapachado num autocolante colado na mala, tipo GPL. Assim, o pessoal andava com autocolantes tipo: "Zé: 29 cm". "João, 26 cm". "Sócrates, 12 cm". Acredito que tal iniciativa iria reduzir (e calar) muito basofe por aí, bem como os picanços na Vasco da Gama. Isto, claro, sem considerar o mercado paralelo brutal que seria criado para gerar autocolantes falsos.

Deixo a vosso cargo as piadas sobre as consequentes operações STOP...

4 comentários:

Barras disse...

O único comentário q me ocorre neste momento é:
LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

LH disse...

Fosgassssss!!! É o meu carro pá!

Mário Lopes disse...

Se o meu "o que quer que seja" fosse maior que o de toda a gente, nunca usaria um rato de peluche para o dizer...

LH disse...

Concordo com o post acima deste

Apenas no caso de estarmos a falar de "concavidades", bem entendido


who's online
eXTReMe Tracker
THE BOBs
Humor blogs
Top Blogs
BloGalaxia
Coches ES

MyFavatar